Retrospectiva Gauchão 2017: os 10 líderes em jardas de recepção

O campeonato de 2017 mostrou novos conceitos e estilos nos ataques das equipes. Enquanto em 2016 os ataques terrestres foram predominantes na maior parte dos jogos, no ano passado os wide receivers foram protagonistas em muitas partidas. Listamos abaixo os 10 jogadores com mais jardas de recepção durante todo o campeonato, seus números na competição do ano passado e aonde eles estarão no campeonato deste ano. Então, confere aí:

1. Luis Becker (Ijuí Drones)

 

Número de jogos: 6.
Recepções: 19.
Jardas: 425.
Touchdowns: 6.
Situação atual: registrado no Santa Maria Soldiers.

2. EDUARDO SALINI (BENTO GONÇALVES SNAKES)

Número de jogos: 6.
Recepções: 22.
Jardas: 391.
Touchdowns: 3.
Situação atual: registrado no Bento Gonçalves Snakes.

3. VINICIUS PACHECO (JUVENTUDE FA)

Número de jogos: 7.
Recepções: 30.
Jardas: 357.
Touchdowns: 1.
Situação atual: ainda não registrado.

4. DOUGLAS ELESBÃO (SANTA MARIA SOLDIERS)

Número de jogos: 7.
Recepções: 17.
Jardas: 288.
Touchdowns: 3.
Situação atual: registrado no Santa Maria Soldiers.

5. GUILHERME CARVALHO (PORTO ALEGRE GORILLAS)

Número de jogos: 5.
Recepções: 27.
Jardas: 271.
Touchdowns: 3.
Situação atual: registrado no Porto Alegre Gorillas.

6. CLINTON GREENAWAY III (SANTA MARIA SOLDIERS)

Número de jogos: 5.
Recepções: 20.
Jardas: 256.
Touchdowns: 7.
Situação atual: jogando na Espanha.

7. JONATHAN “MAU MAU” RONCOLI (RESTINGA REDSKULLS)

Número de jogos: 5.
Recepções: 16.
Jardas: 241.
Touchdowns: 3.
Situação atual: registrado no Armada Futebol Americano.

8. MARCOS VINICIUS (JUVENTUDE FA)

Número de jogos: 7.
Recepções: 17.
Jardas: 232.
Touchdowns: 4.
Situação atual: registrado no Juventude Futebol Americano.

9. ALESSANDRO ROSA (BENTO GONÇALVES SNAKES)

Número de jogos: 6.
Recepções: 15.
Jardas: 218.
Touchdowns: 1.
Situação atual: ainda não registrado.

10. NATANIEL “MOSS” REGMONT (SANTA CRUZ CHACAIS)

Número de jogos: 7.
Recepções:
27.
Jardas:
202.
Touchdowns:
5.
Situação atual: 
registrado no Santa Cruz Chacais.

Start a Conversation

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *